Sistemas de antenas C-RAN e DAS Enterprise

Era™ e ION-E®: soluções para cobertura in-building wireless totalmente digitais e econômicas

O sistema de antenas C-RAN Era totalmente digital da CommScope torna o sistema in-building wireless (IBW) mais simples e econômico do que nunca. Operando com infraestrutura de TI padrão categoria 6A e fibra, essas soluções permitem que as operadoras, hosts neutros e empresas forneçam cinco barras de cobertura e capacidade in-building. Era e ION-E compartilham uma arquitetura comum e um software de sistema, por isso são totalmente interoperáveis entre si.

Recursos e benefícios

O sistema de antena C-RAN Era promove a arquitetura convencional do sistema de antenas distribuídas (DAS), adicionando recursos de C-RAN. Com o Era, você pode:

  • Transferir todas as funções de banda base entre vários edifícios para um único headend simplificado ou até mesmo para o hub C-RAN existente da operadora.
  • Ter uma interface de banda base CPRI totalmente digital que elimina a necessidade de conversões de analógico para digital, reduzindo o tamanho do cabeçote e os requisitos de energia.
  • Ajustar a capacidade em toda a rede por setor, canal ou operadora por meio de uma interface drag-and-drop baseada na web.
  • Selecionar entre uma ampla variedade de pontos de acesso que oferecem diferentes níveis de energia, conectividade de cobre/fibra, cabo energia na categoria 6A e suporte MIMO integrado. As avaliações externas e plenas permitem a implantação virtualmente em qualquer local.
  • Implantar em TI padrão econômica categoria 6A e fibra
  • Monitorar e gerenciar de forma abrangente as implantações usando o comprovado sistema de gestão A.I.M.O.S. da CommScope.

O Era simplifica a instalação de soluções para cobertura in-building wireless, facilita o gerenciamento e o custo operacional, oferecendo às operadoras, hosts neutros e empresas a capacidade necessária para crescer à medida que novas tecnologias e aplicações chegam ao mercado.

Para áreas distintas, como prédios de escritórios independentes que exijam um DAS corporativo da CommScope, esta é a solução ideal. Por compartilhar a arquitetura totalmente digital do Era e usar o cabeamento de TI padrão, ela simplifica o projeto e a implementação da solução. Era e ION-E são totalmente compatíveis entre si. Ambos os sistemas podem ser combinados em uma única implantação, proporcionando ainda mais flexibilidade.

A CommScope detém 164 famílias de patentes para as inovações tecnológicas incorporadas no Era.

Diagrama do sistema de antenas C-RAN

Descrição do sistema

O sistema consiste nos seguintes componentes (consulte o diagrama abaixo):

  • O nó de integração de área ampla (WIN) reside no hub C-RAN da operadora e transporta os sinais de banda base a um hub de distribuição do campus. Isso reduz muito a pegada no headend local.
  • O nó de área central (CAN) localiza-se no campus ou no headend do edifício. Ele digitaliza sinais de RF de banda base, combina sinais de diferentes operadoras e os distribui por todo um edifício ou campus.
  • O nó de extensão de transporte (TEN) conecta-se ao nó da área central através de fibra monomodo ou multimodo. Os nós de extensão de transporte distribuem sinais para pontos de acesso em um andar ou edifício.
  • Um conjunto de módulos de interface comuns, independentes de frequência, é usado no nó de integração de área ampla, nó de área central e nó de extensão de transporte:
    • O cartão doador de RF (RFD) recebe sinais de RF analógicos das estações transceptoras de base (BTS) da operadora
    • Doador digital CPRI (CDD) para uso com Era, este cartão recebe sinais digitais CPRI das unidades de banda base (BBU) compatíveis da operadora
    • Os cartões de transporte ópticos (OPT) e de cobre (CPT) se conectam a links de transporte entre os elementos de rede
    • Os cartões de transporte auxiliar (AUT) permitem conexões Ethernet de passagem para outros pontos de extremidade IP, como pontos de acesso Wi-Fi ou câmeras de segurança, permitindo que esses sistemas compartilhem a infraestrutura de cabeamento com a Era ou ION-E
    • O cartão de interface do usuário do sistema (SUI) conecta-se a um monitor de controle local
    • Subracks comuns 2U e 4U e unidades de fonte de alimentação abrigam e alimentam os módulos do cartão
  • Pontos de acesso convertem o sinal digital novamente para radiofrequência (RF) para transmissão por ar.
    • O ponto de acesso da operadora (CAP) (para uso com Era) vem em uma gama de combinações de potência de transmissão e banda, com interfaces de rede de cobre e fibra. Os pontos de acesso da operadora são externos e com classificação plenum.
    • O ponto de acesso universal (UAP) (para uso com ION-E) é um ponto de acesso de baixa potência que suporta frequências definidas por software de 600 a 2700 MHz.
Conteúdo em destaque