Relatório da CommScope compara os estilos de vida tecnológicos da geração Y e dos Baby Boomers

A geração Y, que abrange os clientes com menos de 35 anos, está emergindo rapidamente como a demografia-alvo principal para empresas de tecnologia e as operadoras de rede de banda larga que as apoiam.

Como uma provedora de soluções de infraestrutura de redes globais, a CommScope estava curiosa: como a geração Y enxerga e usa a tecnologia? Quais são suas expectativas de conectividade? Essas diferenças são tão drasticamente diferentes das gerações anteriores? Como esta geração influenciará o projeto, implementação e monetização de redes?

 

Os resultados são os seguintes

Para ajudá-lo a se preparar para esse futuro, a CommScope recentemente pesquisou mais de 4.000 Baby Boomers (com idades entre 51 e 70 anos) e pessoas da geração Y (com idades entre 15 e 35 anos) em quatro grandes cidades: São Francisco, Londres, Hong Kong e São Paulo. Os resultados são o seguinte:

  • Em média, a geração Y deseja gastar 28% mais por mês do que os Baby Boomers para garantir uma conectividade confiável com a internet.
  • 73% dos membros da geração Y preferem consumir mídia por smartphones em vez de TV a cabo, enquanto 58% dos Baby Boomers preferem o oposto.
  • 64% dos participantes da pesquisa em Hong Kong afirmaram que a conectividade com a internet é mais importante do que eletricidade, encanamento ou transporte.

 

Os provedores de serviço de maior sucesso nos próximos 5 a 10 anos serão aqueles que:

  • Melhor entenderem o comportamento de comunicação dessas gerações emergentes
  • Anteciparem com precisão os principais desejos e necessidades em relação a serviços
  • Adaptarem e ajustarem proativamente as estratégias comerciais
  • Fornecerem as soluções e serviços mais relevantes.
 
Perguntas frequentes sobre 5G
Obtenha o relatório da pesquisa sobre a geração Y
 

 

Infográficos sobre a geração Y
Saiba mais sobre o comportamento da geração Y

Assistir a vídeos

Assinar